skip to Main Content
EU GOSTARIA MAS NÃO TENHO TEMPO!

EU GOSTARIA MAS NÃO TENHO TEMPO!

Olá pessoas incríveis que me acompanham! Alguma vez você já disse essa frase: “ah eu gostaria mas não tenho tempo!”?

Você já parou pra pensar que pode ser exatamente o que você diz e repete repete repete que pode estar te prendendo? Essas frases nós chamamos de historinha!

Muitas vezes ficamos presos no que muitos chamam de zona de conforto ou zona de segurança e isso porque o lugar que estamos é o único que conhecemos e, estando bom ou ruim é o que sabemos fazer, é como sabemos viver.

Paulo Vieira diz que zona de conforto é a combinação de várias mentiras paralisantes com o prazo de validade vencido.

Portanto, historinhas é tudo aquilo que falamos ou pensamos repetidamente que explica, justifica ou tira o foco dos nossos defeitos, insucessos ou fracassos, elas atacam a autorresponsabilidade, tiram a autonomia do seu autor. E quanto mais repetimos a historinha mais preso nela ficamos.

Essas historinhas podem ser classificadas como mentirosas, verdadeiras ou como brincadeira. Por exemplo:

  • Antes de você se tornar mãe provavelmente jamais imaginou que fosse ter tempo para fazer tudo o que faz hoje como por exemplo: levar e buscar filhos na escola, fazer tarefas deles, fazer compras para a casa, frequentar treinos, academia etc e, muito provavelmente e sua maior desculpa era essa: falta de tempo! Nesse caso específico a historinha usada para justificar era uma mentira, pois o que faltava era a organização e o planejamento para que fosse possível tal prática, mesmo antes de ter filhos.
  • Quando você começou a praticar atividades físicas muito provavelmente por diversas vezes deve ter pensado que o seu corpo não aguentaria chegar até o final dos treinos e, com esse clima a principal desculpa é o frio e, usava isso para justificar que nem iria começar. Em parte é uma historinha verdadeira já que o nosso corpo vai se acostumando gradativamente com o nível e intensidade do treino. Mas antes de começar a praticar atividade física, provavelmente era essa história que te paralisava.
  • Já ouvi alguns homens (me perdoem aqui) dizerem que não podem praticar atividade física para não perderem o “calo sexual”, conhecido como barriga! Ora ora ora, todos sabemos que isso é dito em forma de brincadeira e todos riem quando escutam mas é muito prejudicial pois mantém a pessoa exatamente naquele lugar, pois é justificável aos seus olhos.

Portanto encerro hoje com as seguintes perguntas: O que você repete para si e para os outros para explicar, justificar ou tirar o foco dos seus defeitos, insucessos ou fracassos? Qual é a historinha que tem te aprisionado?

 

 

Márcia Rafael

Master Coach - FEBRACIS Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico e Florida Christian University; Palestrante autorizada curso e treinamento O PODER DA AÇÃO; Mestre em Direito do Trabalho pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP); Ex-Professora de graduação e pós-graduação nos cursos de Direito e Administração da Faculdade Maringá em Maringá-PR, UNIFAMMA – Maringá e FAPAN – Paraíso do Norte; Ex-Juíza Leiga no Juizado Especial Cível e Criminal na Comarca de Bataguassu-MS.; Professora convidada da pós-graduação em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho da Faculdade Univel, Cascavel-PR; Advogada trabalhista há 22 anos; e Instrutora de Cursos na Associação Comercial e Industrial de Maringá (ACIM). Autora do Livro: Evolução do Direito do Trabalho. Alterações legislativas e perspectivas. Curitiba: Juruá, 2005; e Co-autora do livro: Remuneração e jornada de trabalho. Curitiba: Juruá, 2006.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top