skip to Main Content
VOCÊ VAI MUDAR OU VAI ESPERAR SEU CASAMENTO DESABAR?

VOCÊ VAI MUDAR OU VAI ESPERAR SEU CASAMENTO DESABAR?

Há alguns anos atrás eu me fiz essa pergunta: Marcia, você vai mudar ou vai esperar o seu casamento desabar?

Isso porque durante muito tempo eu culpava o meu marido por tudo o que dava errado na nossa vida. Eu olhava pra ele e podia descrever muitos e muitos defeitos e inúmeras coisas “erradas” que ele fazia durante o dia e, quanto mais eu olhava pra tudo isso mais eu me decepcionava pois ele não mudava! E olha que não faltavam críticas.

Até que um dia eu resolvi escrever sobre as qualidades dele e, pra minha surpresa eram muitas, mas muitas mesmo!

Fui percebendo que quanto mais eu olhava pra ele, focando nas suas qualidades, mais elas aumentavam e passei a agradecer a benção de ter conhecido um homem tão maravilhoso, que foi capaz de conviver comigo na minha fase mais negra.

Então pensei, se ele me aguentou mesmo eu sendo crítica, mal humorada, ranzinza, imagina se eu melhorar!?

Percebi que tudo o que eu queria que ele fizesse na verdade dependia de mim.

Passei a elogiar, a agradecer, a olhar nos olhos, beijar muito, abraçar, falar bom dia (eu já acordava de mal humor) e declarar que o dia dele seria produtivo, bom e feliz. Mudei o meu modo de agir e tudo foi gradativamente mudando pra muito melhor à minha volta.

E aquilo que era bom ficou maravilhoso!

No mês de julho comemoramos 18 anos de casamento e, o maior aprendizado que tenho desses anos todos é que sempre é possível mudar, sempre é possível melhorar, mas acima de tudo é preciso coragem e determinação pra deixar pra trás tudo que já aconteceu e acreditar que a mudança começa comigo, jamais com o outro.

Gandhi já dizia: seja a mudança que você quer ver no mundo.

E então? Qual a sua escolha?

 

Márcia Rafael

Master Coach - FEBRACIS Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico e Florida Christian University; Palestrante autorizada curso e treinamento O PODER DA AÇÃO; Mestre em Direito do Trabalho pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP); Ex-Professora de graduação e pós-graduação nos cursos de Direito e Administração da Faculdade Maringá em Maringá-PR, UNIFAMMA – Maringá e FAPAN – Paraíso do Norte; Ex-Juíza Leiga no Juizado Especial Cível e Criminal na Comarca de Bataguassu-MS.; Professora convidada da pós-graduação em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho da Faculdade Univel, Cascavel-PR; Advogada trabalhista há 22 anos; e Instrutora de Cursos na Associação Comercial e Industrial de Maringá (ACIM). Autora do Livro: Evolução do Direito do Trabalho. Alterações legislativas e perspectivas. Curitiba: Juruá, 2005; e Co-autora do livro: Remuneração e jornada de trabalho. Curitiba: Juruá, 2006.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top